Brutos carros, brutas mulheres!

Vira-se o filho para o pai:
– Como é que se destinge um homem rico de um homem pobre?

Diz o pai:
– Sabes filho, um homem rico tem brutos carros, brutas mulheres, tem tudo. Um homem pobre tem uma mulherzita, anda nos transportes públicos e anda sempre t3so.

– Ah! Está bem – diz o filho.

Passado um mês, era verão, e resolveram ir para uma praia de npdismo. Diz o filho:
– Eh! Eh! E aqui como é que se distingue um homem pobre de um homem rico?

O pai:
– É fácil filho, um homem rico, tás a ver aquilo que os homens têm entre as pernas, tem uma coisa grande e grossa um homem pobrezinho tem uma coisa pequenina e fininha!!

– Ah! Está bem.

Passado um bocado diz o pai para a mãe:
– Vou ali dar uma corrida já volto para darmos um mergulho!!

Quando este vem está o garoto sozinho e pergunta logo o pai:
– Então onde está a tua mãe?

– Sabes pai, veio aí um homem, muito pobrezinho, muito pobrezinho, não sei o que lhe deu começou a olhar para a mãe começou a enriquecer, a enriquecer, que eu acho que a mãe foi ali para trás roubar-lhe a fortuna!!!